close

Pesquisa mostra como as empresas brasileiras se internacionalizam  

Evento promovido pela Fundação Dom Cabral explica as principais tendências observadas nas empresas brasileiras que atuam além das fronteiras

empresas brasileiras © - Shutterstock
por Redação novembro 8, 2022
  • Desenvolvimento de médias empresas Mais informações
    Desenvolvimento de médias empresas

As empresas brasileiras tradicionalmente entravam no exterior por exportações ou por escritórios comerciais e plantas produtivas. Mas o cenário mudou. É o que mostra a professora da Fundação Dom Cabral (FDC), Lívia Barakat. De acordo com ela, agora existe uma variedade maior de formas de entrada e operação no exterior e os novos formatos incluem e-commerce, aplicativos e plataformas digitais, atuação em redes de parcerias e maior acesso a mercados de capital. 

Essas novas tendências serão discutidas por especialistas no webinar que acontece em 09 de novembro, às 9h, com transmissão pelo canal da FDC no YouTube e na página no LinkedIn da Fundação. O evento marca o lançamento da Pesquisa Trajetórias FDC de Internacionalização das Empresas Brasileiras 2023, que teve a coordenação de Lívia, e as inscrições podem ser feitas neste link.

A especialista adianta que os novos modelos de internacionalização envolvem baixo grau de risco e de investimento direto no exterior, facilitando os negócios dessas empresas fora do Brasil. Lívia lembra ainda que a transformação digital e as mudanças recentes no cenário da globalização têm favorecido o processo e já podem ser identificadas como tendências.

“As empresas estão começando mais cedo a sua trajetória de internacionalização. Elas são conhecidas como Born Globals, que iniciam este processo em até três anos após a sua fundação e são empresas de menor porte e, em especial, aquelas que atuam no setor de tecnologia. A Pesquisa da FDC (que pode ser acessada neste link) mostrou isso ao identificar um aumento no número de pequenas e médias empresas se internacionalizando: 86 PMEs, incluindo 30 startups”, explicou Lívia.

O webinar é uma iniciativa em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e pode ser acompanhado gratuitamente nos links acima. Já as empresas que desejam participar da pesquisa, podem se inscrever aqui.




Os assuntos mais relevantes diretamente no seu e-mail

Inscreva-se na nossa newsletter